Terceira Etapa - Licitando

 

 

A gestão preventiva de saúde no ambiente corporativo passa necessariamente pelo processo de especificação, cotação, análise de propostas, negociações e contratação da alimentação a ser oferecida aos colaboradores. Empresas avançadas nessa área utilizam S.L.A. e K.P.Is para implementar e gerenciar com eficácia serviços de alimentação diferenciados.

 

Selecionepreviamente fornecedores com comprovada experiência e qualificação nos critérios definidos no S.L.A. e solicite as propostas para avaliação. Se na sua região não existirem alternativas qualificadas recorra a consultoria especializada para fazer essa seleção e apoiar no processo de licitação e contratação. 

 

É altamente recomendável que a proposta seja desmembrada em duas partes. Na primeira, a empresa licitante deve demonstrar suas ferramentas, processos e métodos que são utilizados para sejam corretamente aplicados tanto os critérios relacionados a segurança alimentar, como os relacionados à gestão preventiva de saúde dos consumidores. Caso ainda não os tenham, demonstrar as consultorias, assessorias e serviços que contratarão para qualificar adequadamente a equipe que será constituída no novo restaurante. Na segunda parte, o detalhamento da oferta e as condições comerciais.

 

As propostas recebidas devem ser submetidas às análises e recomendações do Comitê Multidisciplinar para que sejam analisadas também sob o ponto de vista da saudabilidade, da segurança alimentar e, finalmente, dos objetivos econômicos e comerciais.

 

Envolva o Comitê Multidisciplinar nas negociações dos ajustes eventualmente necessários na proposta e fornecedor escolhido para assegurar que as especificações inseridas no S.L.A. tenham sido corretamente entendidas, levadas em consideração na precificação da proposta e serão praticadas regularmente na fase operacional.